Paraíso Tropical: Lúcia humilha Taís na frente de Antenor

Lúcia (Glória Pires) aceitou fazer parte do plano de segurar Taís (Alessandra Negrini) enquanto Paula (Alessandra Negrini) se encontra com Olavo (Wagner Moura). Só que a social não vai sair barata assim.

Ciente de que Taís está se passando por Paula e que as duas irmãs não se bicam, Lúcia aproveita para achincalhar com a vida da vigarista. A administradora sabe que Taís não pode deixar o personagem e terá que ouvir tudo calada. “Ela era uma cobra”, inicia Lúcia, questionando a “amiga” de viajar sem ter aparecido o corpo da irmã.

Inicialmente, Lúcia se recorda de que Taís é uma ladra e roubou o caixa do Frigideira Carioca. Em seguida, diz que ela é amante de Ivan (Bruno Gagliasso) e que já sabe que os dois estiveram juntos no golpe para fazer com que Zé Luís (Vitor Novello) se perdesse na Barra da Tijuca, pois estava de olho na herança de Isidoro (Othon Bastos).

LÚCIA RELEMBRA CRIME NO COPAMAR

Taís ouve tudo calada e humilhada, dando bandeira de seu desespero à Lúcia. Sem jeito, Antenor (Tony Ramos), que não sabe da troca das irmãs, diz que Paula deve estar chateada em ouvir tantas críticas, mas Lúcia responde que ela sabe bem como é sua gêmea. Antenor complementa que já tinha ouvido que Taís era “sem escrúpulos” e “ambiciosa”.

Por fim, Lúcia chama Taís de assassina: ela se recorda da morte de Evaldo (Flávio Bauraqui) e a acusa de matar o designer. Na pele de Paula, Taís tenta aliviar o diálogo, dizendo que a “irmã” havia informado que não foi bem assim que aconteceu.

Lúcia diz que Taís é uma mentirosa e saiu com falso álibi feito por Ivan, fazendo com que a vigarista ouça tudo a seco e fique ainda mais tensa.

VEJA TAMBÉM:

GOOGLE NOTÍCIAS: SIGA NOSSA PÁGINA E RECEBA AS INFORMAÇÕES DO AUDIÊNCIA CARIOCA

Imagem [capa]: Reprodução TV

Advertisement