Paraíso Tropical: Desesperado, Cássio pede que Mateus o chame de pai

A situação de Mateus (Gustavo Leão) está deixando a todos preocupados. Sem rumo na vida, o menino se entregou ao álcool após Camila (Patrícia Werneck) decidir casar com Fred (Paulinho Vilhena).

Além da bebida, Mateus deixou os estudos de lado e virou o verdadeiro galinha. Lúcia (Glória Pires) bem que tentou que Cássio (Marcelo Antony) a ajudasse a resolver este problema com o filho, mas o empresário só soube jogar na cara da ex-namorada que ela está se envolvendo com Antenor (Tony Ramos), um homem machista e egoísta.

Cego de ciúmes, Cássio acabou ouvindo poucas e boas de Lúcia: ela prefere estar com Antenor, que deseja ser um pai de verdade, em vez de seguir com ele que não deseja nada fixo. Só que o golpe fatal para Cássio virá quando Mateus decidir usar seu apartamento como motel.

Sem dinheiro, o garoto levou Tati (Lidi Lisboa) para uma noitada na casa do pai. Sem autorização, usou quarto e som na gandaia e ainda disse para a acompanhante que o espaço estava autorizado. Claro, que Mateus vai tomar uma bronca daquelas do pai.

O AMOR VENCEU: CÁSSIO PEDE PARA SER PAI

Só que Mateus joga na cara de Cássio que ele nunca quis assumi-lo como filho. Abalado com todos os problemas do rapaz, o dono do Frigideira Carioca fica sensibilizado e propõe uma nova página na relação entre os dois: ele pede que Cássio o chame de pai pela primeira vez.

Lúcia ficará emocionada com a quebra de gelo na relação dos dois, e o trio se abraça feliz pelo fim das arestas familiares. O que ela não espera é que Antenor terá uma crise de ciúmes ao ver os três de forma harmoniosa, juntos e unidos.

VEJA TAMBÉM:

GOOGLE NOTÍCIAS: SIGA NOSSA PÁGINA E RECEBA AS INFORMAÇÕES DO AUDIÊNCIA CARIOCA

Advertisement