Mãe de Paulo Gustavo deixa Niterói para ficar próxima dos netos no Rio

Cinco meses após a partida de Paulo Gustavo (1978-2021) por complicações pela covid-19, Déa Lúcia, mãe do ator, decidiu deixar Niterói para acompanhar de perto a criação dos netos Romeo e Gael.

Os meninos são frutos do relacionamento de Paulo com o dermatologista Thales Bretas: “Eles [netos] são maravilhosos, lindos, minha razão de viver. Eu não dirijo porque tenho labirintite. Então, ficava difícil. Agora, estou no Leblon. Eles moram na Lagoa [com  Thales]. Eles vêm aqui toda terça e quinta para ficar comigo”, conta a avó coruja ao jornal O Globo.

Déa contou também sobre a falta que o filho faz: “Não acalma [a saudade]. É cada dia pior. Cada vez sinto mais falta dele. Paulo Gustavo era um homem com H maiúsculo. Aquele homem com quem você sabia que podia contar. Um cara bondoso. Tinha o gênio dele, como todo mundo. Porque ninguém é perfeito…”, informou a matriarca.

Muito ligado à família, Paulo era uma pessoa que se preocupava com os pais e, segundo Déa, tinha muita atenção aos problemas dos amigos e tentava ajudar o próximo:

“Ele faz muita falta, era um amigão. Virou mais tarde meu protetor. No final, ele era meu pai. Fazia tudo por mim, pela família, pelos amigos, pelo Brasil. Ele fez tudo o que você possa imaginar para ajudar o próximo”, concluiu Déa.

INSCREVA-SE NO CANAL DO AUDIÊNCIA CARIOCA NO YOUTUBE!

GOOGLE NOTÍCIAS: SIGA NOSSA PÁGINA E RECEBA AS INFORMAÇÕES DO AUDIÊNCIA CARIOCA

Imagem [capa]: Instagram

Advertisement