Rafael Ilha e Thiago Salvático questionam causa da morte de Gugu

Rafael Ilha chamou a atenção do público ao falar durante uma entrevista ao podcast ‘Inteligência Ltda’, de Rodrigo Vilela, sobre a morte de Gugu Liberato (1959-2019).

O apresentador era dono da marca Polegar, grupo de grande sucesso nos anos 90 e que tinha Rafael como vocalista. O cantor não acredita que Gugu tenha ido consertar o forro do ar-condicionado em sua casa em Miami (EUA).

“Eu estava gravando o Troca de Família para a Record e não acreditei. Aliás, não acredito até hoje. Estava lavando a louça na hora e escutei o William Bonner falando”, iniciou.

“Eu sei o que realmente aconteceu, e não foi isso. Tomara que um dia as pessoas possam ter a oportunidade de saber. Quando o Gugu ia chegar e falar: ‘Vou trocar essa lâmpada?’. Ele nunca fez isso. Gugu não sabe trocar uma lâmpada. Isso não aconteceu. Eu sei o que aconteceu”, acrescentou Rafael sem contar o que diz saber.

Rafael Ilha deixou no ar as motivações do acidente, mas concorda que a queda foi uma fatalidade: “Acho que poderiam ter contado a verdade. Só acho isso, não teria problema. Foi uma fatalidade, mas não acho justo. Fui ao velório, falei com a família e sei que ele está em um bom lugar agora, olhando lá de cima, e isso é o que importa. A saudade vai ficar mesmo”, acrescentou, elogiando Gugu como o melhor apresentador do país.

Não foi só Rafael Ilha quem tem uma opinião parecida. Thiago Salvático, que afirma ter namorado Gugu por oito anos, comentou em uma publicação de Hugo Gloss e mostrou ter uma opinião similar: “Gugu jamais subiria para consertar ar-condicionado”. O chef chegou a entrar na justiça para ter sua união estável reconhecida com Gugu, mas desistiu da ação dias depois.

INSCREVA-SE NO CANAL DO AUDIÊNCIA CARIOCA NO YOUTUBE!

GOOGLE NOTÍCIAS: SIGA NOSSA PÁGINA E RECEBA AS INFORMAÇÕES DO AUDIÊNCIA CARIOCA

Imagem: Instagram

Advertisement