Cássio abre o jogo com Mateus: “Eu não me sinto seu pai”, em Paraíso Tropical

Após relutar em não revelar sua identidade, Mateus (Gustavo Leão) acabou sendo desmascarado por Cássio (Marcelo Antony). Ao perceber que o funcionário não queria mostrar seus documentos, o empresário acabou lembrando quando Lúcia (Glória Pires) contou que eles tiveram um filho com a idade similar à do entregador.

Desta forma, Cássio só precisou chamar “Augusto” de Mateus para que o pano caísse. Só que a história da paternidade ainda mexe com o dono do Frigideira Carioca. Mesmo assim, ele não foge totalmente da raia. Cássio leva o filho para sua casa e tem uma conversa franca com o jovem.

“Você não é mais criança, tem que ter cabeça fria nessa hora. É difícil, mas você tem que tentar. E eu vou ser sincero pra você, Mateus: eu não me sinto seu pai, você entende?”, inicia.

“Você se sente patrão, ainda?”, pergunta o filho de Lúcia.

“Não, isso eu também não me sinto mais não. Agora, a gente tem que achar um jeito, detesto esta palavra, de se relacionar. De se tratar um com outro. Não dá pra eu me sentir pai assim de repente. Até pouco tempo eu não sabia que tinha filho e, na mesma hora, eu descubro que ele trabalha pra mim… Eu não vou criticar a sua mãe, mas ela errou em não me dizer que você tinha nascido. Eu tinha um filho de 18 anos e, praticamente, até ontem, não tinha filho nenhum. E nem pretendia ter. Não estou pronto pra isso”, fala Cássio.

Visivelmente sem graça, Mateus responde: “Claro que não”, diz, timidamente.

“Não dá pra gente virar pai e filho de repente. Não me veja como pai. Eu não me sinto como pai e nunca quis isso… Mas eu gosto de você. Já gostava como amigo, como tantos que eu tenho, com carinho, com solidariedade, como eu tenho com a galera da praia, com as pessoas que trabalham pra mim, por alguns clientes, como um amigo especial, de repente”, acrescenta o empresário.

“Bom, era o que eu queria ser. Seu amigo”, diz Mateus, que ouve do pai que ele não quer mais que trabalhe no Frigideira Carioca. Cássio argumenta que Mateus precisa estudar, atendendo a um desejo de Lúcia. Também diz que o filho não precisa mais ir ao restaurante para vê-lo, já que pretende estabelecer uma relação próxima.

“Como eu devo te chamar?”, pergunta Mateus, que ouve do pai que gostaria de ser chamado pelo nome dele.

VEJA TAMBÉM:

Saiba tudo sobre Paraíso Tropical clicando aqui!

GOOGLE NOTÍCIAS: SIGA NOSSA PÁGINA E RECEBA AS INFORMAÇÕES DO AUDIÊNCIA CARIOCA

Advertisement