Paco é racista com Preta: “Jamais me sentiria atraído por uma negra”, em ‘Da Cor’

Preta (Taís Araújo) parece se acertar com Felipe (Rocco Pitanga), mas segue balançada pensando em Paco (Reynaldo Gianecchini), ao ver o que todos pensam ser Apolo (Reynaldo Gianecchini).

Mais uma vez, a protagonista vai atrás de Paco em seu barco. Por lá, o papo começa a ganhar contornos dramáticos entre emoção e saudade, mas o biólogo tenta se manter firme em se passar por um irmão Sardinha.

PRETA ROUBA BEIJO E É ALVO DE RACISMO

Desesperada, Preta diz um pouco dos seus últimos sofrimentos: todos estão desconfiados que ela seja uma ladra.

Tudo aconteceu após um golpe armado por Tony (Guilherme Weber), que fez todos pensarem que Preta vendeu a fórmula por baixo dos panos e vendeu um colar de Afonso (Lima Duarte).

Tentando desviar da conversa, Paco pergunta onde Preta quer chegar, e ela decide roubar beijo na boca. Ela força o beijo e Paco age de forma racista, tentando, mais uma vez, fugir do embate: “Eu jamais me sentiria atraído por uma negra!”, diz, tentando despachá-la.

O clima pesa de vez quando Moa (Alinne Moraes) chega e vê o namorado em uma saia justa com Preta e a surfista pedirá explicações à dupla.

VEJA TAMBÉM:

GOOGLE NOTÍCIAS: SIGA NOSSA PÁGINA E RECEBA AS INFORMAÇÕES DO AUDIÊNCIA CARIOCA

Imagem: Reprodução TV

Advertisement