Luciano Szafir passou por segunda cirurgia recentemente: “Risco de morte”

Antes de receber alta no último sábado (24), Luciano Szafir gravou com a equipe do Fantástico e contou como foram os 32 dias internado entre os hospitais Samaritano Barra e Copa Star, ambos no Rio. Para a surpresa do público, Szafir passou por uma segunda cirurgia, recentemente, e, novamente, esteve sob risco de morte. Ele ainda terá que enfrentar o centro cirúrgico novamente.

Szafir recebeu o diagnóstico de covid-19 por duas vezes: a primeira, em fevereiro de 2021, e a segunda, em junho, quando precisou dar entrada no Samaritano Barra precisando ser levado ao oxigênio. “Sempre tive muito medo (da doença). Eu saía sempre com duas máscaras, sempre muito cuidadoso”, disse o ator, internado em 22 de junho.

Os primeiros sintomas da covid-19 ocorreram em 15 de junho, data em que os homens com 52 anos tinham direito a tomar a vacina contra a doença no Rio de Janeiro. Ao receber o diagnóstico, Szafir foi orientado pelos médicos a não receber a dose naquele dia. De alta, ele poderá tomar a vacina assim que a campanha retornar esta semana na capital fluminense.

Em 2 de julho, Szafir passou por uma embolia pulmonar, controlada pela equipe médica. Quatro dias depois, ele enfrentou uma forte dor abdominal. Os exames apontaram que houve uma perfuração da alça intestinal, com sangue na cavidade abdominal, deixando o conteúdo do intestino exposto em seu organismo.

“Ele teve que ser operado às pressas e precisou fazer uma colostomia”, contou o pneumologista e diretor-geral do Copa Star, João Pantoja, ao Fantástico. A colostomia é a inserção de uma bolsa externa que tem como objetivo coletar o conteúdo intestinal, evitando que se propague pelo organismo e evite novas infecções. Essa primeira cirurgia foi confirmada ao público, em 7 de julho, no Samaritano.

NOVA CIRURGIA

O que ainda não havia sido revelado foi uma segunda cirurgia, em 14 de julho, durante a internação no Copa Star. Luciano Szafir foi transferido para a unidade em 8 de julho, horas após a cirurgia. O novo procedimento aconteceu quatro dias depois após Szafir postar um vídeo nas redes sociais agradecendo o carinho do público, no domingo (10).

“No dia 14, ele (Szafir) fez um quadro de dor abdominal súbita de novo… Uma série de situações muito difíceis que este doença, me desculpe a expressão, amaldiçoada, o acometeu”, contou o médico, confirmando ao Fantástico o risco de morte. O segundo procedimento foi menos invasivo e tentava estancar o sangramento no local da colostomia. O objetivo era evitar novos coágulos no pulmão.

Após as complicações, Luciano Szafir foi submetido a fisioterapia e teve alta da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em 19 de julho. A alta hospitalar aconteceu no sábado (24), onde foi recebido em casa pelos filhos. Szafir terá que passar por nova cirurgia para reconstruir o intestino, em data a ser definida.

GOOGLE NOTÍCIAS: SIGA NOSSA PÁGINA E RECEBA AS INFORMAÇÕES DO AUDIÊNCIA CARIOCA

Imagem: Reprodução TV

Advertisement