Globo se posiciona após vazamento de vídeo com Christiane Pelajo dando piti

O ataque de piti dado por Christiane Pelajo em um jornal da GloboNews em abril do ano passado se tornou um dos assuntos mais comentados das redes sociais nesta quarta-feira (23).

O vazamento do conteúdo ocorreu um ano e dois meses após a jornalista ficar irritada com problemas técnicos no áudio. Pelajo descontou na equipe que estava dando suporte ao Edição das 16.

“Pelo amor de Deus, cara. Não dá, não tem condição, gente. Eu achei que ontem fosse o ápice, mas não. Eu vou continuar sem áudio? É isso mesmo? Alguém pode me dizer… Eu vou sair daqui. Eu só volto quando tiver áudio, tá? Chega. Não tem áudio, não tem como fazer um jornal em voo cego, sem áudio, sem retorno de áudio, alguém tá tentando consertar isso?”, disse Pelajo em parte do vídeo revelado em primeira mão pelo portal TV Pop.

Em nota, a Globo preferiu abafar o caso e disse que todo o problema havia sido superado, internamente.

“Falhas técnicas na Globo são raras, mas acontecem. Algumas mais graves, raríssimas. Estas expõem e constrangem os talentos de vídeo, sobretudo os que estão ao vivo. Foi o que aconteceu então. Apesar do constrangimento, Christiane Pelajo se desculpou à época com os colegas pelo excesso de sua reação. E o episódio foi superado”, disse o comunicado assinado pela Globo.

GOOGLE NOTÍCIAS: SIGA NOSSA PÁGINA E RECEBA AS INFORMAÇÕES DO AUDIÊNCIA CARIOCA

Imagem: Reprodução TV

Advertisement