Demissões na Rádio Tupi aumentam e emissora prepara mudança de endereço, diz site

O mês de maio foi tenso na Rádio Tupi. A emissora dispensou inúmeros profissionais, a maioria deles pertencentes ao administrativo e manutenção da sede da emissora, ainda situada na rua Fonseca Teles, em São Cristóvão.

Em 10 de maio, o Audiência Carioca contou que a Tupi enfrentou uma onda de demissões. O “passaralho” atingiu diversos setores da emissora.

A estimativa é que este número tenha chegado próximo a 100 profissionais, segundo informações reveladas em primeira mão pelo Portal Grande Tijuca, nesta terça-feira (1).

Conforme matéria publicada no portal, a emissora se prepara para uma mudança em São Cristóvão, na zona norte do Rio, onde está há sete anos. A expectativa é que o novo endereço da Tupi seja no Centro do Rio, em um lugar com menor espaço. Houve uma possibilidade de ida para a Barra da Tijuca, mas, por inviabilidade técnica, o bairro foi descartado.

A Rádio Tupi é alvo de processos trabalhistas de grandes nomes que passaram pela emissora e foram dispensados após a crise que assolou o grupo Diários Associados, em 2016. Na ocasião, uma greve geral tirou a rádio do ar por um mês.

PROBLEMAS INTERNOS

O clima interno na Tupi é de apreensão. O Audiência Carioca apurou que a emissora vem passando por um intenso corte de custos.

Segundo reportagem do portal Grande Tijuca, a dispensa de Diana Rogers ocorreu após bater de frente com Márcia Pinho, chefe do departamento. A matéria revela que há problemas de relacionamento entre a gestora e outros profissionais do setor.

Externamente, em 2020, o Audiência Carioca pediu um posicionamento da Rádio Tupi à Márcia Pinho sobre o comportamento da emissora em meio à pandemia do novo coronavírus. A jornalista encaminhou uma mensagem ríspida ao site, em nome da presidência da Tupi, sem responder.

No esporte, o narrador Geraldo Sena foi dispensado. Embora muito se comente que Ricardo Moreira, conhecido com Tigrão, tenha sido demitido, o ato ainda não foi confirmado. O radialista se encontra de férias e, por ora, ainda segue com vínculo trabalhista com a rádio.

Procurado pelo site Grande Tijuca, Josemar Gimenez, atual presidente da Tupi, recusou-se a comentar a reportagem especial feita pelo portal. Como dito anteriormente, a Rádio Tupi não possui assessoria de imprensa e não comenta assuntos ao Audiência Carioca.

RÁDIO TUPI INVESTE NO FORMATO TV

GOOGLE NOTÍCIAS: SIGA NOSSA PÁGINA E RECEBA AS INFORMAÇÕES DO AUDIÊNCIA CARIOCA

Imagens: Reprodução

Advertisement