Mulheres Apaixonadas: Heloísa é internada à força

Heloísa (Giulia Gam) precisa de ajuda, mas ainda não se deu conta disso. Após Sérgio (Marcelo Antony) decretar o fim do casamento, a irmã de Helena (Christiane Torloni) decidiu sair correndo pela praia do Leblon, rumo ao suicídio.

A sorte de Helô é que Sérgio foi comunicado por Rafael (Cláudio Marzo) sobre a forma desnorteada que ela andava pelos corredores do hotel. O arquiteto consegue salvar a ex-mulher, após uma forte respiração boca a boca.

De volta ao hotel, Heloísa e Sérgio são amparados por Rafael e Leila (Xuxa Lopes). Recomposto, Sérgio liga para Helena comunicando o ocorrido. Ela é obrigada a deixar o jantar feito para César (José Mayer) e família em sua cobertura. Sérgio também telefona para Leandro (Eduardo Lago) e Hilda (Maria Padilha).

No quarto do hotel, Heloísa tem um surto psicótico e passa a imaginar Sérgio a traindo com diversas mulheres. Todos decidem que a internação é o melhor caminho para Heloísa, mas Helena fica balançada se está fazendo a coisa certa.

Ela se aproxima da irmã, que está devastada na cama, e, aos poucos, falam sobre o processo de internação. Heloísa fica indignada e começa a questionar a decisão.

Helena tenta convencê-la que ela precisa se curar: “Eu sou uma mulher apaixonada, só isso!”, grita Helô, dizendo que só quer salvar o seu casamento.

Durante o ataque de ira, os médicos e enfermeiros entram no quarto para levá-la. Heloísa grita e ordena que eles a deixam. Sem sucesso, ela quebra tudo no quarto. Um enfermeiro aplica uma injeção estilo “sossega-leão” para que Helô se acalme e possa ser levada. Sérgio e Helena sofrem com a cena.

VEJA TAMBÉM:

GOOGLE NOTÍCIAS: SIGA NOSSA PÁGINA E RECEBA AS INFORMAÇÕES DO AUDIÊNCIA CARIOCA!

Imagem: Reprodução TV

Advertisement