Justiça concede habeas corpus para Belo

A Justiça do Rio concedeu um Habeas Corpus em favor de Marcelo Pires Vieira, mais conhecido como Belo, através do Desembargador Milton Fernandes Souza. O cantor foi preso nesta quarta-feira (17), em Angra dos Reis (RJ), pela Delegacia de Combate às Drogas (DCOD), da Polícia Civil do Rio de Janeiro.

O pedido de soltura foi feito pela defesa do pagodeiro na madrugada de hoje (18), no plantão judiciário.

Belo e outros três homens tiveram a prisão decretada, após a investigação de um show  no Complexo da Maré, zona norte do Rio, ocorrido no último sábado (13), apesar da Prefeitura do Rio ter proibido eventos de Carnaval.

Imagem: Reprodução TV

O evento aconteceu  na Escola Municipal do Parque União, mesmo sem ter autorização da Secretaria Municipal de Educação. A polícia também investiga a invasão do colégio.

Belo estava em Angra gravando uma matéria para o programa Hora do Faro, da Record TV, quando recebeu voz de prisão.

No fim de semana, a assessoria do cantor comentou sobre o show: “Fizemos o show seguindo todos os protocolos. Não temos controle do geral. Isso nem os governantes têm. As praias estão lotadas, transportes públicos, e só quem sofre as consequências são os artistas. Que foi o primeiro segmento a parar, e até agora não temos apoio de ninguém sobre a nossa retomada. Sustentamos mais de 50 famílias”, tentou justificar, em reportagem na TV Globo.

VEJA TAMBÉM

Belo é preso no RJ após show na Maré durante o Carnaval

GOOGLE NOTÍCIAS: SIGA NOSSA PÁGINA E RECEBA AS INFORMAÇÕES DO AUDIÊNCIA CARIOCA!

Imagem: Divulgação

Advertisement