Sônia Lima fala sobre as ameaças que Wagner Montes sofria

Morando agora em São Paulo, Sônia Lima abriu as portas de sua mansão para Geraldo Luís. A eterna jurada do Show de Calouros vai contar detalhes de sua vida ao lado de Wagner Montes, falecido há dois anos, em A Noite É Nossa, na Record.

Até o primeiro semestre de 2018, Wagner era uma das estrelas da Record no Rio de Janeiro e apresentava os programas policiais da emissora, como Balanço Geral RJ e Cidade Alerta RJ.

O comunicador ficou notabilizado pelas críticas e pela forma bem humorada que comemorava as prisões de bandidos em todo o estado. A “dança do capiroto” foi um dos ápices de Wagner no comando de seus programas.

Se na TV o bom humor prevalecia, atrás das câmeras o assunto era sério. Sonia conta das ameaças que ele sofria devido ao trabalho que desenvolvia. “Ele andava com seguranças e até colete à prova de balas ele usava… Wagner não gostava de se parecer vulnerável. Ele queria se mostrar forte a qualquer custo”, contou.

Imagem: Divulgação / Record TV – Crédito: Edu Moraes

Sônia também falará como era a relação com Silvio Santos e se o “patrão” aprovava ou não a relação de seus jurados. Ela também recordará quando aceitou ser capa da revista Playboy, em dezembro de 1991, e como Wagner lidou com o trabalho artístico.

Wagner Montes Filho, que atualmente apresenta o Balanço Geral RJ Manhã, último programa que o pai comandou, e o ator Diego Montez também vão falar sobre o pai e Sonia.

O ‘A Noite É Nossa‘ vai ao ar na Record TV nesta quarta-feira (27), a partir das 22h45.

GOOGLE NOTÍCIAS: SIGA NOSSA PÁGINA E RECEBA AS INFORMAÇÕES DO AUDIÊNCIA CARIOCA!

Imagem: Instagram

Advertisement