Duda Reis e Nego do Borel vão parar na delegacia após o fim do noivado

O fim do noivado entre Duda Reis e Nego do Borel foi parar na delegacia. E, do jeito que a coisa anda, a justiça será, fatalmente, o próximo caminho.

Após fazer uma série de stories falando que vivia um relacionamento abusivo, Duda foi até a Delegacia de Defesa da Mulher, em São Paulo, formalizar suas queixas contra o cantor.

Duda acusa Nego de estupro de vulnerável, ameaça, injúria, lesão corporal, e o acusa até de transmissão de HPV, doença sexualmente transmissível. Nego chegou a confirmar que traiu a noiva durante a relação.

Um áudio divulgado em primeira mão pela coluna de Fábia Oliveira na última terça-feira (12), de O Dia, a influenciadora Lisa Barcelos admite ter se envolvido com Nego do Borel enquanto ele se relacionava com Duda.

DUDA FAZ GRAVES ACUSAÇÕES

O Jornal Extra teve acesso ao Boletim de Ocorrência feito por Duda e revelou que a ‘influencer’ acusa o ex-noivo de ter sido ameaçada com uma faca, em novembro do ano passado.

Segundo o relato da atriz, a ação teria ocorrido por conta de ciúmes, após ele descobrir que a noiva teria ido a um evento no sambódromo sem a sua aprovação.

Este não teria sido o único episódio de abuso sofrido por Duda. Conforme noticiado pelo Extra, ela alega que na Páscoa de 2018, Nego a empurrou na frente de amigos durante um evento de caridade. Além disso, relata que teria sido xingada e humilhada.

As agressões, segundo registrou Duda no boletim, teriam causado transtornos psicológicos e e emocionais. Fisicamente, Duda alegou que teria contraído HPV de Nego durante a relação.

Ainda em 2018, Duda confirmou em depoimento uma história que muita gente já comentava nos bastidores: a conturbada viagem com o cantor para Lisboa, em Portugal.

Duda acusa o então noivo de tê-la dopado por uso de medicamentos contra a ansiedade, ingeridos, segundo ela, forçadamente. Na acusação em que o Extra teve acesso, a ‘influencer’ diz que Nego tinha relações sexuais não consentidas com ela durante a sua dopagem.

Outras agressões ao longo de 2019 também foram citadas no depoimento da polícia. Conforme o relato de Duda obtido pelo Extra, ela afirma que o cantor teria um fuzil em sua casa e R$ 2 milhões em espécie. Não ficou claro se o dinheiro e a arma foram declarados e registrados.

Duda Reis está sendo defendida pelas advogadas Gizelly Bicalho, ex-BBB 20, e Izabella Borges. A defesa solicitou à justiça uma medida protetiva em favor da cliente contra Nego.

“Agradeço muito minhas advogadas, a Izaella e Giselly, pelo acolhimento que recebi na delegacia da mulher. E obrigada pelo apoio de vocês, mesmo”, escreveu Duda nas redes sociais.

NEGO SE DEFENDE E VAI À DP

Em contrapartida, Nego também foi à delegacia registrar queixa contra Duda por calúnia e difamação. O cantor foi até a 42ª DP, no Recreio dos Bandeirantes. A Polícia Civil do Rio confirmou o boletim e disse que ouvirá as partes envolvidas.

Após a enxurrada com as graves acusações, Nego foi às redes sociais dizer que estava vivendo um dos piores momentos de sua vida. Nesta quinta-feira (14), o funkeiro fez um vídeo de 11 minutos dando sua versão sobre o caso.

“Sim, eu traí e assumo. E essa foi a contribuição para o fim do nosso relacionamento. As contribuições dela, para o fim do nosso relacionamento, eu prefiro não expor até o momento. Eu nunca agredi ela [Duda] e nunca pratiquei qualquer tipo de violência contra ela”, diz Nego. Confira a íntegra do vídeo.

VEJA MAIS:

GOOGLE NOTÍCIAS: SIGA NOSSA PÁGINA E RECEBA AS INFORMAÇÕES DO AUDIÊNCIA CARIOCA!

Imagem: Instagram

Advertisement