Réveillon: Prefeitura e Governo do RJ estudam fechar Copacabana no dia 31

Uma reunião entre Jorge Felippe (DEM-RJ), presidente da Câmara de Vereadores e prefeito em exercício no Rio, e Cláudio Castro, governador em exercício, vai definir como será a rotina de Copacabana no próximo dia 31 de dezembro.

O encontro acontece na tarde de hoje (23) para definir os próximos passos da pandemia durante as festas de fim de ano. As informações são do RJ1, da Globo.

Segundo o jornalista Edimilson Ávila, uma das propostas a ser apresentada é fechar Copacabana, que não receberá festas e fogos na virada de 2020 para 2021. O bairro ficaria restrito à entrada de carros apenas para moradores.

O metrô também estaria envolvido na proposta. A ideia é pedir à empresa que feche as três estações do bairro, dificultando a circulação de pessoas no dia 31, à noite. As estações de Cardeal Arcoverde, Siqueira Campos e Cantagalo não funcionariam na noite da virada.

A orientação, mais uma vez, é que as pessoas fiquem em casa e evitem aglomerações pelas ruas do Rio durante o fim de ano.

VEJA MAIS:

GOOGLE NOTÍCIAS: SIGA NOSSA PÁGINA E RECEBA AS INFORMAÇÕES DO AUDIÊNCIA CARIOCA!

Imagens: Reprodução TV