Globo e Maju Coutinho são processadas, após absolvição em caso de racismo

Um rapaz está brigando na justiça contra a TV Globo e Maju Coutinho, apresentadora do Jornal Hoje, por danos morais e materiais.

Ele é um dos quatro acusados de promoverem ataques racistas na internet contra Maju, em 2015. Na ocasião, a jornalista era garota do tempo do Jornal Nacional.

GOOGLE NOTÍCIAS: SIGA NOSSA PÁGINA E RECEBA AS INFORMAÇÕES DO AUDIÊNCIA CARIOCA!

Kaique Batista foi absolvido desta ação por insuficiência de provas. Agora, o rapaz pede uma indenização na casa dos R$ 782 mil por reparação da exposição de sua imagem.

A defesa cita uma reportagem feita pela emissora em dezembro de 2015, quando a polícia fez buscas e apreensão de computadores e celulares.

Ainda nos autos, a defesa cita que houve uma execração pública e que a casa de Kaique foi alvo de depredação, sendo apedrejada. Com isso, precisou mudar de casa e custear aluguel para se proteger destes ataques.

Dos quatro indiciados no caso envolvendo Maju, outros dois foram condenados por injúria racial. A Central Globo de Comunicação não comenta casos que estão na justiça.

GOOGLE NOTÍCIAS: SIGA NOSSA PÁGINA E RECEBA AS INFORMAÇÕES DO AUDIÊNCIA CARIOCA!

Imagem: Divulgação