Aos 77 anos, morre o ator Cecil Thiré

Morreu na madrugada desta sexta-feira (9), o ator Cecil Thiré. Aos 77 anos, o veterano tinha mal de Parkinson e morreu dormindo em sua casa no Humaitá, na zona sul do Rio. Cecil era filho da atriz Tônia Carrero, falecida em 2018.

Assim como a mãe, Cecil começou a vida artística muito cedo, aos 18 anos. Seu primeiro trabalho foi no cinema, como assistente de Ruy Guerra, no filme Os Fuzis.

Na televisão, fez trinta novelas. Destaque para Adalberto, o assassino da primeira versão de A Próxima Vítima (1995), de Silvio de Abreu. Na reprise de 2000, no Vale A Pena Ver Direito, a trama apresentou Ulisses (Otávio Augusto) como um novo assassino.

Cecil deixa quatro filhos, um deles o ator Miguel Thiré, e sete netos. Sua última novela foi Máscaras, em 2012, na Record TV.

GOOGLE NOTÍCIAS: SIGA NOSSA PÁGINA E RECEBA AS INFORMAÇÕES DO AUDIÊNCIA CARIOCA!

Imagem: Arquivo / Reprodução Internet