Após denunciar racismo, TV flagra Neymar em supostos ataques homofóbicos

Três dias após Neymar acusar o zagueiro Álvaro Gonzales de ter sido racista durante a partida entre PSG x Olympique de Marseille, o craque brasileiro foi flagrado proferindo supostos ataques homofóbicos no mesmo duelo.

Um vídeo publicado pelo canal “Gol”, da Espanha, analisou falas de Neymar e, através da leitura labial, flagrou possíveis ataques homofóbicos do jogador do PSG contra Gonzáles.

Segundo o material apresentado, Neymar teria xingado o opositor de “maricon”, que significa “puto viado”. O xingamento teria ocorrido após o jogador brasileiro dizer ter sido vítima de racismo.

Durante o jogo, Neymar foi expulso por agressão e uma comissão disciplinar irá julgar e checar toda a confusão envolvendo o atacante e Gonzáles. O brasileiro pode pegar de quatro a sete jogos de punição.

Imagem: Reprodução TV