CNN Brasil despenca na preferência do público em julho, segundo o Painel Nacional de TV

O mês de julho trouxe resultados negativos à CNN Brasil. A emissora, que tem quatro meses e duas semanas de vida, registrou baixa audiência e viu seu desempenho despencar na preferência do público da televisão por assinatura.

A média da CNN Brasil em julho fechou em 0,06 pontos de audiência. Cada ponto no Painel Nacional de TV (PNT) equivale a 260 mil domicílios ou 703 mil telespectadores.

Entre os canais que se dedicam ao “news”, a CNN Brasil perdeu para a Record News (0,13 pontos de média), que, segundo os críticos de TV, tem uma programação mais tímida entre os canais voltados à cobertura jornalística.

Entre junho e julho, a CNN Brasil perdeu 18 posições na disputa envolvendo as TVs por assinatura e aberta. Canais como o National Geographic (0,07 de média); Animal Planet (0,08); Discovery Home Health (0,16), famosos por exibirem “enlatados” televisivos, ficaram à frente da CNN, que tem mais de 70% de sua programação ao vivo.

O canal Viva foi o canal pago mais assistido. Os sucessos das reprises e de repercussão de O Clone (de Glória Perez, 2001/02) e Chocolate com Pimenta (2003) ajudaram a emissora a conseguir excelentes resultados.

O Viva fechou o mês de julho com 0,29 pontos de média. Na sequência vieram GloboNews (2º, com 0,22 de média); Cartoon Network (3º, com 0,21 de média); Discovery Kids (4º, com 0,2 de média) e Discovery Channel (5º, com 0,18 de média) fecham o Top 5.

Esse resultado mostra que a Globo News teve, no último mês, três vezes mais audiência que a CNN Brasil. Na briga entre os canais News, a CNN bateu apenas a BandNews, que registrou 0,02 de média (69º lugar entre os preferidos de julho).