Rádio Globo está próxima de anunciar o fim do dial em SP

A Rádio Globo perderá nos próximos dias um dos pilares históricos de sua programação. A emissora deixará de ser veiculada em São Paulo, em 94,1 FM.

O dial paulistano não pertence ao Sistema Globo de Rádio e o contrato com a frequência se encerra antes do segundo semestre de 2020. O jornalista Anderson Cheni, do blog ‘Cheni em Campo’ e referência na cobertura dos bastidores do rádio, já havia citado essa possibilidade em suas redes sociais.

Antes mesmo da crise da pandemia do Coronavírus, a Globo já havia sinalizado que não renovaria este contrato. Internamente, os funcionários só aguardam a oficialização do caso.

Desde 2017 a emissora vem tentando repaginar a sua programação. Os dois primeiros anos tiveram como base Rio de Janeiro e São Paulo.

Sem responder à audiência necessária com os comunicadores da TV dentro do rádio, em 2019, a Globo voltou a mudar a programação. Apostou em música e centralizou a transmissão no Rio de Janeiro.

São Paulo ficou com a menor parte dos programas e com a pequena base esportiva. A maioria destes profissionais devem ser migrados para a CBN, onde já faziam dobradinha.

O Audiência Carioca procurou a assessoria de imprensa que atendia a Rádio Globo e a Editora Globo, indicada pela Central Globo de Comunicação, para comentar o caso. “Não atendemos mais a rádio. Apenas a Editora Globo”.

Nós voltamos a procurar a assessoria da Central Globo de Comunicação explicando o caso. Até o fechamento desta nota não obtivemos respostas. Quando feito, será atualizado neste espaço.