Tiago Leifert desmente que seu pai tenha usado o CONAR para prejudicar Gusttavo Lima

De folga do BBB na manhã desta segunda-feira (20), Tiago Leifert usou as redes sociais para esclarecer uma notícia publicada pelo jornalista Leo Dias.

O colunista do UOL fez uma nota onde associa o nome de Gilberto Leifert, pai do apresentador, como homem forte do CONAR. O órgão regulamenta publicidades em veículos de comunicação.

Na semana passada, o órgão abriu uma investigação contra o cantor Gusttavo Lima. A ação se deu após uma ‘live’ de Gusttavo, onde ele aparecia bebendo e, por vezes, aparentava estar embriagado.

Na nota, Leo diz que Gilberto foi presidente do CONAR e que ele é ex-diretor da TV Globo. O jornalista encerra sua nota questionando se tudo é uma coincidência.

TIAGO FALA

Tiago usou suas redes sociais para defender o pai e deu sua versão do caso:

“Gente do céu, meu pai! Ele [Gilberto Leifert] saiu da Globo há anos… Meu pai não trabalha no CONAR há anos. Meu pai não trabalha mais na Globo desde 2017, se não me engano. Estamos em 2020, meu pai está de bermuda em casa, aposentado, cumprindo a quarentena dele. Eu acho que meu pai nunca ouviu uma música do Gusttavo Lima. Eu já! Eu adoro o Gusttavo, adoro! Minha sobrinha e minha mãe gostam também, mas meu pai eu acho que ele nem sabe quem é o Gusttavo. Mas se soubesse… por que meu pai perseguiria? De onde tiraram esse troço? Gente do céu, não tem nada a ver”, disse o apresentador do BBB.

Advertisement