A fim de manter visibilidade dos patrocinadores, Globo reprisa final da Copa de 2002

De maneira inédita, a Globo decidiu mostrar um jogo gravado em sua programação em TV aberta. No dia 12 de abril, no domingo de Páscoa, a emissora reprisará a final do pentacampeonato brasileiro. A bola rola novamente às 16h, faixa nobre do esporte nos fins de semana. Em 2002, o jogo aconteceu às 8h30, horário de Brasília.

A partida entre Brasil x Alemanha (2×0) será mostrada na íntegra, com Galvão Bueno. O que a emissora não revelou é se irá aproveitar a narração de 2002 ou se fará uma nova, em tempo real.

O SporTV tem adotado a prática durante o período de pandemia, tendo, inclusive, transmitido o jogo do penta. Em 2002, Luiz Carlos Junior narrou o jogo.

Na versão 2020 foi a vez de Gustavo Villani dar voz ao histórico duelo. Villani tinha apenas 19 anos no dia em que Cafu levantou a taça mundial.

O que se sabe na Globo é que Cleber Machado e Walter Casagrande Júnior farão um “pré-jogo” inédito antes da bola rola. Depois vem Galvão.

A Globo adota a medida para atender sua carteira de patrocinadores no esporte. As marcas estão desde o dia 15 de março sem terem suas imagens vinculadas ao esporte.

Na ocasião, a emissora exibiu o empate entre Botafogo 1 x 1 Bangu, pelo Carioca. O duelo não teve público por conta da pandemia de Coronavírus.

Se der certo, leia-se a audiência responder bem, outros jogos históricos podem ser exibidos em TV aberta.

Nesta semana, a Globo decidiu paralisar alguns pagamentos de cotas contratuais envolvendo os campeonatos em que tem exclusividade. O motivo, claro, por conta da pandemia. Dentre estes, o Campeonato Carioca segue sem o seu último pagamento.