Coronavírus faz com que a Record TV tenha que cancelar realities shows, diz colunista

Parece que não será dessa vez que Adriane Galisteu voltará a um programa na TV aberta. Tudo estava acertado verbalmente entre a Record TV e a loira, mas a pandemia do novo Coronavírus fez com que novas ações fossem tomadas na programação.

Segundo informações da colunista Fábia Oliveira, de O Dia, o Power Couple Brasil será cancelado. O jogos dos casais estava marcado para estrear na primeira semana de maio, após o fim do BBB.

Como ninguém sabe como vão ficar as condições de aglomerações após a pandemia, internamente, entende-se que não haverá tempo hábil para preparar confinamentos.

Fábia também revela que muitos casais selecionados ficaram receosos da escolha de Galisteu como apresentadora. É que os últimos trabalhos da loira na TV não foram bem sucedidos.

Embora não confirme, a Record já tinha fechado contrato com Yá Burihan e Lipe Ribeiro, ambos ex-participantes do De férias com o ex; Paula Amorim e Breno Simões, os dois do BBB18; Kadu Moliterno e a esposa Cristianne Menezes; Adriana Bombom e o noivo Adrien Cunha; e a ex-Fazenda Thayse Teixeira e o noivo Dudu. Todos os contratos deverão ser cumpridos dentro de suas cláusulas definidas.

Assim sendo, outro reality de confinamento em uma ilha, que está na linha de produção em 2020, também não será realizado esse ano. O programa ainda não tem um nome definido, mas tudo se encaminhava para ser batizado de A Ilha.

O Dancing Brasil e o Canta Comigo ainda são dúvidas. A Fazenda ainda segue como planejada. Entretanto, nada segue garantido até toda essa crise de saúde passar.

Oficialmente, a Record TV ainda não confirmou nenhum cancelamento da sua linha de realities shows.