Questionada sobre medidas contra Coronavírus a favor de funcionários, Super Rádio Tupi envia: “Estamos aguardando o seu site ter audiência para responder”

O Audiência Carioca tem o compromisso de informar o que acontece nos bastidores da mídia ao público do Rio de Janeiro e brasileiro. Com a pandemia do novo Coronavírus, uma das pautas tem sido a questão do comportamento das rádios e televisões sobre a doença e a relação com os seus funcionários.

Nos últimos dias, diversas rádios e TVs nos enviaram, espontaneamente, medidas que estão sendo realizadas em favor da preservação do seu quadro de funcionários. Todas enviaram notas de medidas que estão criando a favor do quadro funcional e o interesse de mantê-lo informado.

Uma das rádios de maior audiência do Rio de Janeiro, até aqui, a Super Rádio Tupi não enviou à imprensa nenhum comunicado sobre o que pretende fazer para preservar seus funcionários. Afinal, boa parte deles está no grupo considerado de risco pela OMS (Organização Mundial da Saúde).

Só no quadro de comunicadores, a emissora conta com Antonio Carlos (82), Clovis Monteiro (61), Cidinha Campos (77), Maurício Menezes (70), Gilson Ricardo (71), José Carlos Araújo (79) e outros profissionais que atuam na linha de produção.

Ontem (19), parte destes estiveram juntos, nos estúdios da rádio, com o objetivo de falar sobre o novo Coronavírus no programa Cidinha Livre. Oito pessoas sentadas em uma mesa de um pouco mais de cinco metros de comprimento. Na imagem é possível ver que não há a medida de segurança indicada pela OMS e por infectologistas. A foto está disponível em redes sociais.

COMUNICADORES JUNTOS EM ESTÚDIO

Imagem: Reprodução Instagram

Diferente de suas concorrentes, a Super Rádio Tupi não tem assessoria de imprensa. O Audiência Carioca procurou a chefia de jornalismo para saber quais medidas foram tomadas e comentasse a decisão de juntar em um estúdio oito profissionais. Metade deles possui mais de 60 anos e fazem parte do grupo de risco traçado pela OMS.

Após insistirmos pela segunda vez, a chefia de jornalismo enviou o seguinte posicionamento: “A resposta da presidência é que estamos aguardando o seu site ter audiência para responder. Bom dia!”.

O Audiência Carioca questionou à rádio qual era o número de audiência necessário para se obter a resposta e se a Super Rádio Tupi faz distinção de veículos de imprensa. Até o fechamento desta nota, não tivemos um novo retorno.

Imagem: WhatsApp / Reprodução
Correção:A Tupi faz distinção de imprensa?