Globo testa qualidade da água em suas instalações no Rio

A crise da água instaurada em todo o Grande Rio vem atingindo diversos bairros da região metropolitana da cidade. Cariocas e fluminense vêm sentindo o forte gosto de terra da água e, em alguns lugares a coloração está turva.

A emissora foi uma das primeiras a trazer o assunto em pauta na última segunda-feira (6). Em poucas horas, diversos telespectadores começaram a enviar reclamações contra a água fornecida pela CEDAE.

Nas primeiras 48 horas, o órgão estadual se recusou a dar entrevistas e enviar um representante para dar esclarecimentos sobre o assunto. Sem saída, na última quarta-feira (8) confirmou que a água esta com alterações, mas segue dizendo que é própria para consumo. Infectologistas sugerem não utilizar a água disponível esta semana.

Pensando em seus funcionários, a Globo decidiu de maneira independente medir a qualidade da água nas dependências da emissora no Rio de Janeiro. A emissora informa que faz regularmente esta avaliação para saber se o nível de qualidade está apto para o consumo.

No teste realizado essa semana, a Globo informa que “não temos qualquer problema de turbidez, cheiro ou demais parâmetros que impeçam o consumo de água dentro dos estúdios Globo”.

Imagem (capa): Reprodução TV