Relembre a trajetória de sucesso de Gugu, um dos maiores comunicadores da TV brasileira

Gugu começou na TV com 14 anos, quando foi chamado para trabalhar no SBT. Ainda na adolescência, o garoto Augusto costumava escrever cartas para a emissora dando sugestões para os programas.

Silvio Santos logo viu um talento para a TV e chamou Gugu para ser produtor do Domingo no Parque. Anos depois, ganhou o Viva A Noite, sucesso de audiência nos anos 80 e 90.

Entretanto, o maior desafio ainda estava para vir: a guerra de audiência pelos domingos. Com o Domingo Legal, Gugu conseguiu por, diversas vezes, vencer a TV Globo na preferência pelo público. Quadros como A Banheira do Gugu marcaram época e polêmica na televisão.

Em 2009, Gugu deixou o SBT em uma das transações mais traumáticas da TV brasileira. Com um contrato de R$ 3 milhões mensais, partiu rumo à Record TV para tomar conta dos domingos. Só que o ‘Programa do Gugu’ nunca conseguiu bater o ex-patrão, Silvio Santos, e Eliana.

Em 2013, Gugu deixou a Record TV e voltou um ano depois. O retorno foi em um contrato mais enxuto e em parceria com sua produtora, a GGP. Produziu o ‘Gugu’, programa que foi ao ar no horário nobre em dias de semana.

Em 2018, foi a vez de se aventurar nos realities shows. Apresentou o Canta Comigo e o Power Couple Brasil. Gugu nunca escondeu a vontade de voltar a ter programas aos domingos. Entretanto, a vida entre São Paulo e Orlando dificultava a rotina de retomar os fins de semana.

Gugu ainda apresentou o Sessão Premiada, Cidade contra Cidade, Roletrando, Adivinhe se Puder, Corrida Maluca , Big Domingo, Programa de Vídeos, Super Paradão, Play Game, Nações Unidas, DominGugu, Paradão Sertanejo, Noite dos Artistas, Disco de Ouro, TV Animal, o Passa ou Repassa, o Sabadão Sertanejo e o Sabadão. Todos no SBT.