Izabella Camargo confirma nova saída do Grupo Globo

Izabella Camargo não faz mais parte do quadro de funcionários da TV Globo. A jornalista foi demitida pela emissora em janeiro desse ano, após retornar de uma licença médica por conta de um quadro de Síndrome de Burnout. A doença é consequente a uma carga de stress profissional.

Achando-se injustiçada, Izabella foi até à justiça e pediu para ser readmitida. Em julho, o tribunal trabalhista definiu que a Globo deveria recontratar a jornalista. A retomada dos trabalhos só aconteceu em outubro. Entretanto os dias forma difíceis para Izabella na redação de São Paulo.

Antes atuando na previsão de tempo e como apresentadora substituta do Hora Um, a repórter foi rebaixada à editora do clima de G1.

Apesar de ter mantidos seus vencimentos, quem é do mercado sabe que a função é de remuneração menor e de status inferior para quem atua na redação da Globo. Mesmo experiente no vídeo, Izabella sequer foi chamada para inserções do G1 em 1 minuto.

Apesar de atender a decisão judicial, a Globo continuou tentando revalidar a demissão do início do ano. Em outubro, Izabella voltou a se afastar com novo atestado médico.

Em entrevista ao TV Fama exibida nesta terça-feira (19), a jornalista confirmou que sua passagem pela Globo chegou ao fim: “Minha história com a empresa acabou”, revelou. Como há segredo de justiça em seu processo, ela preferiu não dar mais detalhes.

Entretanto, segundo informações do colunista Ricardo Feltrin, Globo e Izabella fecharam um acordo de R$ 1 milhão. A formalização ainda ainda não foi feita judicialmente. A Jovem Pan deve ser a nova casa da jornalista.