SBT Rio termina com jornal esportivo para evitar novas demissões

As movimentações no SBT para corte de custos não para. Há duas semanas, a emissora cortou três profissionais e uma estagiária. A ordem veio da matriz, em São Paulo, que também desligou funcionários por lá. Cogita-se que a decisão pode atingir até 160 funcionários.

Uma fonte do Audiência Carioca confidenciou que as demissões na praça carioca chegariam a 11. Entretanto, uma decisão tomada nessa manhã pode ter mudado os rumos no SBT Rio.

Com objetivo de evitar novos cortes, a emissora decidiu encerrar com o Esporte Mágico. O produto era desenvolvido no Rio de Janeiro e tinha exibições nas manhãs de domingo. As informações são do site Observatório da Televisão, do BOL.

A apresentadora Mônica Chagas não será demitida e deve ser reaproveitada em outra produção, diz a nota do portal. A ideia é manter os produtos considerados essenciais na programação fluminense, como SBT Rio e SBT Esporte Rio.

Na semana passada, o SBT encerrou as atividades de jornalismo no interior do Rio.