Aos 88 anos, morre o diretor Maurício Scherman

A manhã desta quinta-feira (17) amanheceu mais pobre para a TV brasileira. O diretor Maurício Scherman, natural de Niterói, morreu em sua casa, na zona sul do Rio. A causa da morte foi por complicações decorrentes de doença renal crônica.

Scherman tinha 88 anos e marcou época em diversas emissoras. Criou importantes produtos para a TV, como o Fantástico e a TV Colosso, e revelou Xuxa como apresentadora infantil na extinta TV Manchete.

Ainda na Globo, dirigiu o Noite de Gala, em 1966, Moacyr Franco Show, em 1977, Vídeo Show, em 1994 e Domingão do Faustão, em 2001. Também atuou na extinta TV Tupi, Exclesior e na Band.

A passagem de Maurício Scherman pela TV Globo durava 53 anos, onde ainda era contratado, apesar de afastado para tratar da saúde.

O velório acontece das 13h às 15h no Cemitério da Penitência, na zona portuária no Rio. Na sequência, familiares e amigos participam da cerimônia de cremação.