Transamérica FM demite 29 funcionários em todo o país. No RJ, três locutores são desligados

A sexta-feira (11) foi tensa na Rede Transamérica de Rádio. A emissora desligou 29 funcionários em suas principais praças. A medida atingiu profissionais à frente da programação da emissora, passando por estagiários, pessoal do administrativo, auxiliar de serviços gerais e motoristas.

O Audiência Carioca teve acesso à lista de demitidos da rádio. No Rio de Janeiro, seis profissionais foram dispensados. Os locutores Paulo Piedade, Felipe Sanches e Jorge Moreno não fazem mais parte da programação da emissora. Um motorista, uma funcionária da operação e uma estagiária também foram desligados na sede carioca.

Rio de Janeiro e Brasília foram os locais com maior números de demitidos, totalizando seis em cada filial. Em Belo Horizonte, quatro; em Curitiba, três; Na Bahia, cinco; e na rede exclusiva, dois.

Em São Paulo, sede da emissora, não houve dispensas, até o fechamento desta nota.