Futuro das transmissões esportivas na Rádio Globo em xeque. Entenda!

O Sistema Globo de Rádio vem sofrendo, a duras penas, para tentar mudar a segmentação do seu produto mais antigo, a Rádio Globo.

Desde 2017, a emissora tirou grandes medalhões e líderes de audiência em troca de apresentadores globais. Sem sucesso, em 2019, desligou os artistas da Globo para se tornar uma rádio musical. Tudo para “rejuvenescer” a audiência do produto.

Apesar de todas as alterações, o departamento esportivo da rádio foi tocando, mais ou menos, a sua vida neste período. Entretanto, tudo indica que mudanças podem acontecer nos próximos meses.

Segundo informações da página Mídia de Verdade, antigo Rádio de Verdade’, internamente, a emissora já tem a intenção de fazer uma mudança brusca com as transmissões do futebol. A informação foi confirmada por uma fonte do Audiência Carioca.

A ideia seria deixar a Rádio Globo focada apenas no segmento musical e migrar a equipe esportiva para um outro produto, a CBN. Quem toca o dia a dia da rádio, já tem ciência do projeto.

Ocorrida, a mudança deve ser geral, no Rio e em São Paulo. A produção da atual programação da Rádio Globo é basicamente gerada na capital carioca. Em SP, ficou o pessoal do esporte local. Caso a decisão vá adiante, todos serão afetados. Como toda mudança em qualquer empresa, o clima entre os profissionais é de certa apreensão.

Apesar de ser um dos principais produtos no segmento ‘news’, a CBN nunca obteve os mesmos patamares de audiência da Globo. Assim sendo, a decisão incomoda especialmente alguns medalhões da casa, reconhecidamente aclamados pelo público.

Vale lembrar que o departamento esportivo da Rádio Globo sempre foi uma referência e um patrimônio do rádio esportivo. Por lá passaram grandes nomes do meio, como Waldir Amaral, Jorge Curi, José Carlos Araújo, Edmo Zarife e, atualmente, Luiz Penido e Edson Mauro.

Imagem: Arte/Rádio Globo