Corte de custos movimenta bastidores da Record TV Rio, revela jornalista

Uma decisão interna tomada pela Record TV está dando o que falar entre os seus funcionários. Segundo informações obtidas com exclusividade pelo jornalista Sandro Nascimento, do portal Na Telinha, a emissora está promovendo corte de custos no operacional do Rio de Janeiro. A medida mexe diretamente com a rotina e estrutura de trabalho de alguns funcionários.

Atualmente, o departamento comercial da Record no Rio funciona na zona sul da cidade, em um dos locais mais valorizados. Os colaboradores que trabalham em Ipanema terão que deixar as salas do badalado lugar rumo a Vargem Grande, na zona oeste do Rio.

Conforme noticiou o Na Telinha, a mudança está tendo forte resistência entre os funcionários que estão em Ipanema. A maioria deles trabalha no Marketing e no Comercial.

Dois pontos são levados em conta. O primeiro, a distância de Vargem Grande para o Centro, onde está o coração comercial do Rio. O segundo é a falta de glamour que o novo local não ostenta. Ipanema é um dos points da boa vida e turístico da capital fluminense.

A DISTÂNCIA

Só para ter uma noção, a distância entre os bairros é grande. A viagem de carro entre os locais é de 1h. Utilizando o transporte público, o período é ainda maior: até 2 horas. Vale lembrar que a maioria dos funcionários do departamento comercial não reside na zona sul do Rio.

A Record TV trabalha na Praça Nossa Senhora da Paz, em Ipanema, desde 2008. Na ocasião, o grupo estava fortificando investimento em seus produtos televisivos. Um dos seus slogans era “A Caminho da Liderança”, em forte provocação à concorrência.

Apesar de não ter tomado o posto da TV Globo, principal emissora do país, é inegável o crescimento da Record TV. Especialmente no Rio, onde desenvolveu uma estrutura independente e de identidade com público carioca. O sucesso de produtos como ‘Balanço Geral RJ’, ‘RJ No Ar’ e ‘Cidade Alerta Rio’ chama a atenção dos telespectadores e atrai diversas cotas de publicidade e merchandising.

O clima quente, ao menos, não está atingindo o ambiente e a rotina dos funcionários do jornalismo na redação. Foi o que nos revelou uma fonte.

No fim de 2016, a Record TV deixou sua sede em Benfica, na zona norte do Rio, rumo à Vargem Grande, onde, agora, abrigará o jornalismo e o comercial. Na ocasião, alguns funcionários não gostaram da mudança e alguns poucos deixaram a empresa por conta da distância e deslocamento.

O Audiência Carioca revelou em primeira mão que o prédio de Benfica daria lugar a uma das unidades da Igreja Universal do Reino de Deus.

A matéria de Sandro Nascimento pode ser lida aqui – Por corte de custos, Record Rio decide mudar de sede.