Sucesso no início dos anos 2000, ‘Mulheres Apaixonadas’ voltará à TV

Um dos maiores sucessos de Manoel Carlos voltará em breve. ‘Mulheres Apaixonadas’ retornará à TV em 2020, no canal Viva, ainda no primeiro semestre.

A emissora da Globosat já agendou a trama para suceder ‘O Clone’, que entrará no ar a partir de novembro. A informação é da jornalista Cristina Padiglione, do portal Telepadi.

Atualmente, Manoel Carlos está vendo outro produto de sua marca voltar ao interesse do grande público. ‘Por Amor’ está sendo exibido no ‘Vale a Pena Ver de Novo’ e é a maior audiência da Globo na atração nos últimos nove anos.

‘Mulheres Apaixonadas’, produzida em 2003, traz à sociedade temas polêmicos, como o mau tratamento de idosos, violência doméstica, alcoolismo, filhos fora do casamento e a compulsão pelo amor. Trata-se da estreia de Bruna Marquezine na TV, aos sete anos, na pele da pequena Salete.

A trama central corre em torno de Helena (Cristiane Torloni). Casada com Teo (Tony Ramos), o casal vive no Leblon e, após quinze anos de casados, a relação começa a esfriar.

RELEMBRE ‘MULHERES’

Fora de casa, Teo tem uma relação extraconjugal com Fernanda (Vanessa Gerbelli), sua amante de longa data. Os dois guardam o segredo de que Salete (Bruna Marquezine) é filha do marido de Helena.

Outros núcleos também se destacam, como Regiane Alves na pele de Doris. Ela maltrata os avós, que moram dentro da casa de seus pais. As cenas de destrato foram um dos pontos altos da atração.

Giulia Gam também chamou a atenção na pele de Hilda. Irmã de Helena, ela é exageradamente apaixonada pelo marido Sérgio (Marcelo Antony). O cúmulo da compulsão chega quando ela decide fazer uma laqueadura, mesmo sem ter filhos. Tudo para não dividir as atenções do amado com um herdeiro.

Outro destaque é a Escola Ribeiro Alves (ERA), onde a Professora Santana (Vera Holtz) vivia rotineiramente bêbada. Um casal homossexual entre alunas também movimenta a trama, formado por Clara (Aline Moraes) e Rafaela (Paula Picarelli).

A violência doméstica também é abordada através da professora Raquel (Helena Ranaldi) e Marcos (Dan Stulbach). Casados, ele bate na esposa com raquetadas. Raquel se apaixona por um de seus alunos e vive um inferno neste triângulo amoroso até o fim da novela.

A trama ainda conta com a participação luxuosa de Susana Vieira e José Mayer. ‘Mulheres Apaixonadas’ teve 203 capítulos e foi exibida entre 17 de fevereiro e 11 de outubro de 2003.