Novo advogado afirma que Ana Paula Pituxita estava se coçando em vídeo

Após a divulgação do vídeo, onde a ex-paquita Ana Paula Pituxita aparecia supostamente provocando ferimentos em seu corpo, o caso foi parar na mão de um novo advogado. Sylvio Guerra, conhecido por defender a classe artística, retirou-se da defesa após a publicação do material na última segunda-feira, 13.

Márcio Alessandro Russo irá substituir Sylvio na defesa de Ana Paula contra o ex-marido José Roberto Barbosa. A loira acusa o pai de seu filho de agressão. Entretanto, após as imagens das câmeras de segurança, Ana Paula passou a ser questionada pela opinião pública.

Imagem: Instagram

Ao Fofocalizando, do SBT, Ana Paula havia dito que errou ao provocar os ferimentos: “Eu estava me limpando, estava sentindo dor no pescoço. Não sabia onde tinha me machucado. Estava me segurando e comecei a me machucar, mesmo porque eu estava com raiva do que ele estava fazendo. Ele iria continuar tentando tirar meu filho. Aí eu errei. Não vou falar que eu estava certa. Eu ampliei e acabei fazendo isso, foi isso”, disse ao programa na última terça-feira, 14.

Imagem: Instagram

A nova defesa, representada pelo advogado Márcio Alessandro Russo, tentou explicar o que aconteceu na sequência de cenas que chamou a atenção do Brasil:

“Ela está se coçando pelo que dá para ver. Não vejo absolutamente nada na mão dela. Só vou falar o que aconteceu. Ele a atirou num monte de tijolos e ela se arranhou. Depois sentou no meio-fio, onde se coçou e se assustou. A coceira agravou o ferimento”

Márcio Alessandro Russo, à revista Quem

Ana Paula havia recebido apoio de Xuxa, que contratou um segurança particular para proteger a amiga. Após a repercussão do vídeo, a ex-paquita resolveu abandonar o grupo de WhatsApp onde participava com outras ex-integrantes do programa de Xuxa.