Companheiro de figurante de O Sétimo Guardião afirma que essa não foi a primeira vez que ele passou mal nos Estúdios Globo

O Audiência Carioca conversou com Arilton Carvalho, companheiro de Joseph Lima dos Santos, de apenas 24 anos, figurante de ‘O Sétimo Guardião’ que morreu durante as gravações’ da trama.

Arilton estava no IML, aguardando a liberação do corpo do companheiro. Ele afirma que Joseph não tinha histórico de doenças cardíacas, mas que cerca de um mês atrás, o ator passou mal: “Ele [Joseph] teve um desmaio há um mês atrás, porém foi por conta do calor. Quanto a mal-estar, doença, nunca estava doente”.

Questionado se Joseph procurou um especialista após o desmaio, Arilton afirmou: “Esse episódio foi também lá no Projac. Ele estava entrando na portaria e acabou dando entrada no posto médico também. Os médicos o medicaram com soro. Disseram que era superaquecimento, que o corpo aqueceu demais e ele desmaiou. Liberaram, ele foi para casa e ficou tudo bem”.

Arilton também presta serviços à TV Globo, através da agência Luz e Cor. Sobre o fatídico episódio de ontem, 27, quando Joseph passou mal e acabou falecendo durante as gravações da novela de Aguinaldo Silva, ele ainda tenta entender como tudo aconteceu:

“Eu não estava com o Joseph. A gente estava junto na terça-feira, estava tudo super bem. Eu era figurante, agora estou trabalhando na parte de fiscalização. Quando eu era figurante, a gente ficava 24 horas juntos, lá no Projac e em casa. Agora que eu estou fiscalizando, estávamos separados. Ontem, a gente pegou uma gravação juntos… O Joseph chegou no Projac estava com essas dores [no peito], foi o que me informaram. Daí, ele foi levado para o posto médico, dentro do Projac. Parece que não tem aparato. Eu não sei pra que tem posto médico dentro da Globo. Não tem aparato para fazer um exame mais sério. Eles acham que todo mundo precisa é de injeção, comprimido… Levaram o Joseph para lá e deram uma injeção, ao que me parece, um relaxante muscular. Mandaram ele para almoçar… Depois, mandaram ele para o set, foi quando ele entrou no ônibus. Depois me ligaram dizendo que ele estava passando mal e menos de três minutos me ligaram de novo dizendo que o caso era sério. Algumas informações dizem que ele já saiu morto de lá [Projac]. O hospital me informou que ele chegou já morto. Não deixaram um fiscal ir na ambulância com ele”.

Arilton informou que está recebendo assistência da agência ‘Luz e Cor’, que é quem faz as contratações dos figurantes. Ele não soube dizer se a Globo está em contato direto com a prestadora de serviços.

Procurada, a TV Globo ainda não respondeu às nossas mensagens. Caso haja um posicionamento, este será publicado neste espaço.