Ao vivo, repórter do SBT Rio deixa reportagem após tiroteio em Bangu

O que era para ser uma simples entrada ao vivo, dentro do SBT Rio, acabou se tornando um motivo de pânico e preocupação.

Na tarde desta terça-feira, 27, Isabele Benito acionou uma reportagem ao vivo, direto de Bangu. Lá estava Patrícia Hadlich, que cobria o caso de um idoso atropelado e que foi encontrado por militares que estavam atrás de um carro, após furar uma blitz.

Pouco antes de entrar ao vivo, Patrícia foi surpreendida por uma rajada de tiros. Assustada, a jornalista foi atendida imediatamente por Isabele, que a colocou no ar.

“A gente acabou de ouvir alguns tiros aqui e nós não temos mais segurança para continuar. Só pedi para entrarmos ao vivo para esclarecermos o caso do idoso”

Patrícia Hadlich, ao vivo, no SBT Rio

Imediatamente, preocupada com a segurança da equipe, Isabele pediu que todos saíssem do local e se protegessem. A âncora encerrou alertando que lugar onde nem mesmo a polícia chega, repórter não pode se arriscar. Triste realidade carioca.

Colaborou Na Telinha / UOL