Riotur está conversando com empresas para patrocinar ensaios técnicos

A Riotur vem trabalhando para tentar retomar os ensaios técnicos que antecedem os desfiles das escolas de samba na Sapucaí. É o que garante Marcelo Alves, presidente à frente do órgão municipal.

Em entrevista ao site ‘Sambarazzo’, o mandatário confirmou que existem, neste momento, negociações com a iniciativa privada e que não só o aplicativo Uber estaria envolvido no processo.

“Os ensaios técnicos não estão vinculados apenas ao Uber. Nós estamos conversando com várias empresas. Estamos caminhando. Não posso descartar, nem assegurar, por enquanto. Não podemos descartar [o retorno dos ensaios técnicos] de jeito nenhum”, disse Marcelo Alves ao ‘Sambarazzo’.

A previsão inicial é que tudo se resolva até a primeira quinzena de novembro. Estima-se no valor de R$ 4 milhões o custo para abrir a Passarela do Samba para os ensaios. O valor vinha sendo custeado pela Liesa até 2017, entretanto com a dificuldade financeira ficou inviável de realizar o evento neste ano.

Com Sambarazzo // Imagens: Reprodução Internet (Rádio Arquibancada)

Advertisement