Convocação da seleção brasileira para a Copa será pauta de toda a mídia

O técnico Tite realiza nesta segunda-feira, 14, a tão esperada convocação da seleção brasileira para a Copa do Mundo. Há exatos trinta dias do Mundial da Rússia, a expectativa gira em torno do substituto de Daniel Alves e a lista dos jogadores que ficarão em aguardo aqui no Brasil, caso haja algum corte no período do torneio.

Todas as principais emissoras de rádio e TV farão a cobertura ao vivo, direto da sede da CBF, no Rio. A entidade recebeu 360 pedidos de credenciamento. A sala onde Tite discursará tem espaço apenas para 130 jornalistas e, por isso, a recepção será improvisada para abrigar todos os profissionais de mídia. A imprensa internacional estará presente e a disputa por perguntas ao treinador será outro ponto a ser administrado.

A Globo, única TV aberta com os direitos de transmissão da Copa, fará um especial após o ‘Jornal Hoje’. Galvão Bueno comandará “Rumo à Copa – Convocação”, um debate sobre a lista ao lado de Casagrande e Júnior. O repórter Tino Júnior estará direto do saguão da CBF. Com a exibição do esportivo, a emissora deixará de mostrar o ‘Vídeo Show’ nesta segunda-feira, 14.

A Band fará a cobertura dentro de ‘Os Donos da Bola’, entretanto o Rio de Janeiro não deverá acompanhar, já que a grade das 14h às 15h é vendida para produções independentes. As rádios Globo/CBN, Tupi, BandNews e Absoluta (Campos, RJ), todas com direitos de transmissão da Copa, também entram na jornada.

SporTV e Fox Sports, detentoras do evento, também farão a cobertura. Mesmo sem transmitir a Copa, ESPN Brasil e BandSports também terão sua programação voltada à  convocação da seleção.